NÃO TEMAS, VAI PIORAR!

Ainda não sabemos o que é amar e pregar o evangelho até a morte. Assistam ao vídeo e depois leiam a matéria publicada ontem, no site da Missão Portas Abertas. No último domingo, preguei em minha igreja sobre o “Não temas” que Jesus proclamou para a igreja em Esmirna. Uma das questões que meditamos foi a de que Cristo não disse: “Não temas! Sua vida vai melhorar! Sua família será restaurada! Você irá prosperar! Não Temas! A dor e a enfermidade não mais castigarão o seu corpo nem chegará a pobreza em sua casa! Seus filhos serão guardados de todo mal e nenhum dano sofrerão! Não temas! Porque eu vou te curar! Vou te dar o carro do ano, uma casa nova, um novo emprego! Não temas! Chegou a sua vez de ser feliz!”. Não. Jesus não disse isso. Suas palavras foram mais ou menos assim: “Não temas, a coisa vai piorar! Não tenha medo do sofrimento que hás de passar! Não temas a tribulação e as aflições que certamente aumentarão! O inimigo de sua alma colocará alguns de vocês na prisão. Eles passarão por dez dias de tormento e provação! Muitos terão suas cabeças degoladas ao fio da espada, seus corpos serão maltratados e atravessados por lanças. Seus pequeninos filhos e bebês serão oferecidos como comida aos leões ferozes. No entanto, não temas, seja fiel, creia até a morte…” (Ap 2.10).
EXTREMISTAS ISLÂMICOS EXECUTAM JOVEM CRISTÃO
Somália, 02.12.2009

Cristão acusado de tentar converter adolescente muçulmano é encontrado morto em uma rua de MogadíscioExtremistas islâmicos que controlam parte de Mogadíscio, capital da Somália, executaram, nesse mês, um jovem cristão acusado de tentar converter um muçulmano de 15 anos de idade ao cristianismo.Membros do grupo extremista islâmico Al Shabaab tinham detido Mumin Abdikarim Yusuf, de 23 anos, no dia 28 de outubro, após o rapaz de 15 anos de idade ter passado informações sobre ele aos militantes, disse uma fonte da região à agência de notícias Compass Direct News. O corpo de Mumin foi encontrado no dia 14 de novembro. Fontes disseram que o ex-muçulmano foi baleado até morrer, provavelmente algumas horas antes do alvorecer.

“Nosso irmão Mumin foi assassinado”, disse uma fonte ao Compass. “Seu corpo foi jogado no distrito de Yaqshid, em Mogadíscio, em uma rua residencial.”

O grupo Al Shabaab, cujos membros parecem ter ligações com os terroristas da Al Qaeda, controla algumas partes de Mogadíscio e a maior parte do sul da Somália, assim como outras partes do país.

Suas acusações contra Mumin levaram o grupo extremista a uma incursão em sua casa, no distrito de Holwadag, na capital, disseram as fontes. Após fazerem buscas em sua residência, a milícia não encontrou nada relacionado ao cristianismo. Porém, ainda assim, levaram-no preso.

Antes de o jovem ser executado com dois tiros na cabeça, a fonte do Compassrecebeu relatos de que ele foi espancado e teve seus dedos quebrados enquanto os muçulmanos tentavam extrair provas incriminatórias contra ele e informações sobre outros cristãos. Posteriormente, a fonte soube que o corpo de Mumin mostrava sinais de tortura e estava sem os dentes frontais.

“Não sabemos a hora em que ele foi assassinado, mas devido à vontade da família, nós o sepultamos cerca de 3 horas da tarde do mesmo dia”, disse a fonte.

Os cristãos não puderam se identificar com segurança à família muçulmana de Mumin, mas conseguiram auxiliar indiretamente os pais para sepultá-lo com dignidade.

Não se sabe se Mumin, quando torturado, revelou informações sobre membros da igreja na região, mas líderes da Igreja Perseguida têm mudado de local os cristãos que o conheciam, segundo a fonte.

“Ainda não sabemos se Al Shabaab descobriu alguma prova nova de Mumin”, disse ele.

Os pais muçulmanos de Mumin não sabiam que seu filho era cristão e insistiram com os militantes do grupo que ele ainda era muçulmano, disseram as fontes. Os extremistas acusaram a família de não ter informado que seu filho tinha se convertido ao cristianismo e determinaram a sua mãe e seu pai que comparecessem diante do tribunal de Al Shabaab.

Embora a fonte do Compass não pudesse confirmar se os pais atentaram para a ordem, ele disse que muito provavelmente eles o fizeram, uma vez que não é incomum que os militantes decapitem aqueles que desafiam suas ordens. “Não posso confirmar se eles compareceram diante do tribunal islâmico, mas é altamente possível”, disse ele. “Quem ousa desafiá-los?”

Os extremistas demonstraram que não têm escrúpulos para matar aqueles que eles percebem que são simpatizantes de qualquer religião “estrangeira”, disse a fonte. Ele acrescentou que o grupo islâmico somente não executou Mumin antes porque não tinha provas contra ele, a não ser o testemunho do adolescente.

“No islã, para executar alguém, você precisa ter prova de três testemunhas, e eles não a tinham”, disse ele. “Al Shabaab é conhecido por fazer o que deseja, e eles nem mesmo seguem as regras da religião a qual reivindicam aderir.”

A descoberta do corpo de Mumin trouxe fim à tentativa de sua família de assegurar sua liberação, mas eles agora vivem com medo, uma vez que Al Shabaab os acusou de terem ocultado a nova fé de seu filho.

A fonte disse que a morte do jovem cristão é típica do grupo extremista islâmico, que frequentemente lança balas em suas vítimas antes de jogarem seus corpos em locais públicos para servirem de aviso àqueles que ousam resistir suas ordens.

Desde que o ditador Siad Barre foi deposto em 1991, a Somália não teve mais um governo central forte e tem estado à mercê de cruéis militantes baseados em clãs. Alguns, como o al Shabaab, está buscando estabelecer uma versão rígida da sharia(lei islâmica) enquanto lutam para destituir o governo federal transitório do Presidente Sheikh Sharif Sheikh Ahmed, que é apoiado pela União da África e pelas nações do Ocidente.

Fonte: Portas Abertas
http://www.portasabertas.org.br

4 comentários sobre “NÃO TEMAS, VAI PIORAR!

  1. Jonas,até que ponto a igreja está preparada para sofrer pelo nome de Cristo? A mensagem triunfalista que tem sido pregada atualmente em nada se assemelha com o Evangelho de Cristo. Mas graças a Deus por que, enquanto nos refestelamos provisoriamente em nossos confortáveis sofás, cristãos verdadeiros sofrem perseguições, prisões e mortes, especialmente nos paises islamicos e comunistas. Creio que ao menos deveríamos orar vez ou outra por eles… e por nós mesmos, para não nos acomodarmos no nominalismo cristão; termo que pode designar muita coisa ou nada, dependendo do testemunho dado.Parabéns pelo blog, e grande abraço.Cristo o abençoe!PS: será que os liberais acham possível os cristãos primitivos escolherem a própria morte e de suas famílias nas arenas ao invés de adorar o imperador e negar Cristo?Somente o poder de Cristo (sobrenatural) para capacitá-los ao sofrimento atroz. Isso nenhuma “desmitologização” pode explicar.

  2. Jorge, meu irmão,me lembro de alguns versos que T. S. Eliot escreveu em “Coros de 'A Rocha'”. Acredito que eles podem ser uma boa resposta para os “liberais”. Ei-los:”É difícil para aqueles que nunca foram perseguidos,E para aqueles que jamais conheceram um cristão,Acreditar nas histórias da perseguição cristã.Ó Pai, bem-vindas sejam tuas palavras,E que coragem não nos falte no futuro,Ao recordarmos o passado”.Obrigado por suas palavras.Um forte abraço,Jonas

  3. Jonas, oportuna a citação de Eliot. Descobri-o recentemente, apesar de ter lido seus poemas esparsamente pela vida, e comprei o seu “Poesias” em português. Achei o livro estupendo. Digeri-o por longos seis meses, saboreando a maioria dos versos, estilo, musicalidade e alusões. Provavelmente, muita coisa me passou desapercebida, mas foi tão impactante que decidi escrever poesias, e coloquei um link em meu blog principal para alguns poemas dele e de outros autores.Fiz uma pequena resenha do livro. Se quiser dar uma olhada o link é http://kiestoulendo.blogspot.com/2009/10/poesia.htmlRealmente, apenas Deus para nos capacitar a testemunhá-lO. Como Paulo disse: o evangelho não são somente palavras, mas também o poder de Deus.Grande abraço.

    • Vanderleia Elias Lontra da Silva disse: Que Deus continue abençoando o senhor e o seu ministério,agradeço a Deus por sua vida, por representar o povo evangélico sem medo de falar a verdade e muitas vezes expondo a sua vida para defender a palavra de Deus e honrá-lo com garra e coragem, eu e minha casa admiramos o seu chamado em Deus. Que o Senhor te fortaleça sempre, Deus te chamou para impactar a nação e o mundo, seja abençoado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s